sábado, 17 de dezembro de 2011

Review: Esmalte "Hefesto"



Este foi compra conjunta com o "Viúva Negra".

Eu estava doida para ter algum esmalte holográfico, então fiquei sabendo do "Hefesto", um top coat holográfico. E achei perfeito! Não foi barato, mas foi um dinheiro bem gasto.

Parece que é glitter super fininho, mas não deixa a superfície da unha áspera.

Minha mãe não achou nada de especial nele. Porém, acho tão bonito ver o arco-íris.

"Roxo Metálico" (Colorama) + "Hefesto" (Hits)

Marca: Hits (Speciallità).
Qualidade:
Durabilidade:
Preço:
Nota final:
★★★★★
★★★★☆
★★☆☆☆
★★★★☆

Prós: Resultado - prisma com qualquer esmalte, não fica áspero.
Contras: Clareia um pouco a cor do esmalte de baixo, mas não é nada ruim.

Testei com o um esmalte vermelho cremoso, ficou legal, mas não consegui tirar foto. Agora vou testar com tudo que é esmalte. XD

sábado, 10 de dezembro de 2011

Últimas Compras | Filme: "Amanhecer"

 Vamos lá. Este é 3 posts em 1.

Aqui estão minhas últimas aquisições nesses 2 meses.

Marca: Barbie
Loja: C&A
Preço: R$19,90

Sim, é da parte infantil. E cabe. Meu namorado gostou e comprou para mim. Vou usar com Fairy-kei. Só que preciso de alguma meia-calça ou legging grossa e colorida para usar por baixo.

Marca: Risqué
Loja: Gold Hair
Preço: R$3 (não lembro quanto foi)

Esmalte muito bonito, similar ao "Vampira", da Eyeko.

[Review]


Marca: Hits
Loja: Gold Hair
Preço: R$6 (não lembro quanto foi)

Eu tava louca por um esmalte holográfico de verdade, então comprei o "Hefesto". Até porque ele "transforma" qualquer esmalte em holográfico. Estou usando esta semana enfim. Depois faço um review.

Marca: Di Santinni
Loja: Di Santinni
Preço: R$69,25

Compra de Novembro. Tenho tara por botas. Apesar de não gostar das estilo cowboy, gostei dessa, acho que ela tem um ar rocker. Eu tava afim mesmo de um coturno, mas justamente quando fui comprar, não tinha mais. Mas não me arrependi dessa, nem mesmo do salto (tenho problemas com saltos, não aguento nem 5cm).

Bom, como minha avó faleceu, acabei ganhando algumas coisinhas dela, mas prefiro não mostrar, sabe? Não me sinto confortável.



Mudando agora para o segundo assunto do post...

Fui ao cinema com uma amiga que fazia aniversário para ver "Amanhecer". Nossa sessão era bem mais cedo e era legendada. Conseguimos pegar outra sessão, dublada, já 10 minutos atrasadas. Perdemos o comecinho, chegamos bem no casamento, a Bella entrando.

Como só li o primeiro livro, apesar de ter assistido aos filmes, fiquei meio perdida. Como sempre, os livros são melhores que os filmes (imagino que isso também acontece com "Crepúsculo", embora não seja lá essas coisas).

Bom, o que odiei foi a dublagem. Quando "Crepúsculo" passou na Globo, foi redublado. Não sei porquê. Eu havia odiado, e este filme foi com o mesmo elenco da redublagem. Agora a voz do Edward tá parecida com a do Jacob! ¬¬ O dublador do Edward era Wendel Bezerra, o do Jacob era Yuri Chesman, o do Carlisle era Alexandre Marconatto, agora, sei lá quem são, nem faço questão de saber, embora eu goste muito do Guilherme Briggs (dublou Carlisle neste filme).

Imagem de Foforks.
Imagem de Foforks.

Não sou fã de "Crepúsculo", mas sou a favor do 1° elenco de dublagem. Aliás, de qualquer filme.

Imagem de Gisele Online
Uma coisa que também não gostei foi da rápida gravidez da Bella. Acho que a Bella não ficou grávida nem 3 meses! Tinha que ser no tempo normal, já que ela é humana, e Edward foi ex-humano. Isso não conta? Ela tinha que ter sofrido mais um pouco, poxa.

Maaas o que gostei como a gravidez foi retratada. Fico me perguntando como é que eles fizeram o efeito anoréxico da Bella. Deve ter sido CG (e uma maquiagemzinha?), não acredito que a atriz tenha emagrecido mesmo.

Imagem de Crepúsculo
Amanhecer Trailer
Como sou sentimentaloide, o que gosto em "Crepúsculo" é o romance. Gosto de como o Edward trata a Bella, apesar do que as feministas ferrenhas falam. Gostaria que os homens fossem puro amor e educados assim. Porém, tem alguma coisa que faz não gostar da saga, que não sei dizer. Talvez por ser uma literatura voltada para adolescentes bobas. Sempre achei que a história era perfeita para um mangá shoujo.

O que me faz não gostar é a visão da Stephanie Meyer sobre os vampiros. Onde já se viu vampiros que não dormem, que andam de dia... Nem para dar uma explicação melhor como a dos filmes do Blade! Bem, não vou entrar em detalhes. Prefiro muito mais a visão da Anne Rice, inclusive a maneira de escrever.

Até gostei de como a Stephanie Meyer retratou os lobisomens. Achei que ficou bom como lobos mesmo. Só que, mais uma vez, ela distorceu as lendas. E não gostei da parada do imprinting.

Enfim. Até que fiquei com vontade de assistir a parte 2, para saber como é a "nova" Bella. Espero que o elenco de dublagem seja o anterior.